Pesquisar este blog

Sejam Bem-Vindos / Welcome

Poemas e textos sobre depressão, solidão, suicídio e morte, entre outras coisas. Não se assustem, este blog funciona como se fosse uma terapia. Não vou gastar grana com um charlatão só para ficar me ouvindo e dando conselhos inúteis.
Poems and texts about depression, loneliness, suicide and death, among other things. Do not get scared because this blog works as if it were therapy. I won't spend money to some charlatan guy just to be listening to me and giving me useless advice.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Vento




Vento

Vento que atravessa o âmago do meu ser
Entrecortante, cruel e implacável
Navalhas que dilaceram minha alma
Dor lancinante e inexplicável

Vento que varre as sujeiras de meu ser
Nojentas, pútridas e pegajosas
Poeira fétida que arde os olhos
Na face, lágrimas viscosas

Vento que mina a resistência de meu ser
Poderoso, rude e esmagador
Esmagando a carne já fétida
Anestesiada, não sente mais dor

Vento que traz pestes e doenças em meu ser
Incuráveis, dolorosas e letais
Pústulas que proliferam na pele
É apenas o fim, e nada mais

(by A. J. Rosário - 03/05/2008)
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Sobre o Autor:
Crazyseawolf Para saber mais sobre o autor deste blog, visite seu perfil noGoogle+ ou este outro link, , ou ainda este outro link. Para enviar uma mensagem, clique aqui. Para outras informações, leia o FAQ.

0 comments:

Postar um comentário

Comentários de anônimos são deletados.
Leia a minha Política de Comentários antes de continuar.

  • Se encontrar alguns erros, não critique! Me ajude a corrigí-los.
  • If you find some mistakes, don't criticize me! Help me to correct them.
 
Template Denim, criado por Darren Delaye, customizado por Crazyseawolf .:o:. Shattered window with bars from Stockvault.